Diplomado de Engenharia Elétrica é aprovado para Doutorado
A defesa do Mestrado foi no início de agosto de 2019

A entrada na Universidade é como um mundo novo, cheio de descobertas, oportunidades e caminhos. A escolha da profissão que se visa seguir é o primeiro passo para se chegar até a uma instituição de educação, e foi isso que aconteceu com Carlos Antônio Souza, que optou pela Engenharia Elétrica e ingressou na URI/FW em janeiro de 2012. Cinco anos depois, estava formado e entrando no Programa de Pós-graduação em Engenharia Elétrica (PPGEE), Mestrado da UFSM.


Em agosto de 2019, Carlos fez a defesa da sua dissertação intitulada “Controlador Ressonante Aplicado a um DSTATCOM para Regulação de Tensão de Geradores de Indução Autoexcitados” e teve como Banca o Professor Dr. Robinson Figueiredo de Camargo (Orientador/ UFSM), Prof. Dr. Felipe Bolivoni Grigoletto (UNIPAMPA) e Prof. Dr. Lucas Giuliani Scherer (UFSM).


AS MARCAS DA URI


- A URI agregou o conhecimento através do curso de Engenharia Elétrica e também do ambiente de convívio, que mudou a minha vida e também me fez conhecer melhor a mim mesmo, estimulando as habilidades do perfil que tenho hoje -, contou Carlos.


A OPÇÃO PELA PESQUISA


- A Engenharia Elétrica me fez ver a vida com uma visão mais ampla, proporcionando a oportunidade de seguir caminhos que jamais poderia imaginar trilhar. O mais importante neste caminho até aqui foi o amadurecimento, tanto pessoal quanto profissional, e isso é o que vem acontecendo desde a formatura, pois na sequencia veio o Mestrado e agora o Doutorado, duas etapas que jamais me imaginava estar passando.


A APROVAÇÃO


No dia 19 de junho de 2019, Carlos recebeu a aprovação no Doutorado, antes mesmo da defesa de sua dissertação. A pesquisa é intitulada “Estratégias de controle aplicado a um DSTATCOM para a regulação de tensão de geradores de indução autoexcitados”.


- A proposta desta linha de pesquisa aponta geradores de indução autoexcitados como solução para o aproveitamento de potenciais hídricos, ou seja, pequenas centrais hidrelétricas para a geração de energia elétrica para lugares isolados onde a rede de distribuição convencional não consegue chegar por fatores técnicos e econômicos -, explanou Carlos.

 

Diante disto, essa linha de pesquisa explora estratégias de controle que visam manter a qualidade de energia para o fornecimento de energia elétrica a consumidores isolados da rede de distribuição das concessionárias de energia.



399 Visualizações
Comentários: (
)

Utilize este espaço com elegância e responsabilidade. Ofensas pessoais e palavras de baixo calão serão excluídas. Denuncie comentários ofensivos ou usuários fakes através do formulário de contato.



Av. Assis Brasil, 709 - Bairro Itapagé
Frederico Westphalen RS
CEP 98400-000

Fone: 55 3744 9200
Reitoria | Erechim | Santiago | Santo Ângelo | Cerro Largo | Sao Luiz Gonzaga
URI Campus de Frederico Westphalen © 2019. | VirtualBit